Fórum Florestal Bahia anuncia vencedor do edital de monitoramento da cobertura vegetal

ago 17, 2018 | Fórum Florestal do Extremo Sul da Bahia, Notícias

A empresa Geopixel Geotecnologias, Consultoria e Serviço Ltda foi a vencedora do edital para o Monitoramento Independente da Cobertura Vegetal e Uso do Solo dos Territórios de Identidade da Costa do Descobrimento e do Extremo Sul. As propostas foram avaliadas pelo Grupo de Acompanhamento composto por representantes do Ministério Público Estadual/Núcleo Mata Atlântica; Fórum Florestal do Extremo Sul da Bahia; Fibria, Veracel e Suzano.

Para a escolha, foram levados em consideração: metodologia de trabalho; equipe técnica; atuação anterior na região; etapas do serviço e cronograma de implementação; preço global; orçamento detalhado e cronograma de desembolso.

O objetivo principal do monitoramento é atualizar o mapeamento da cobertura vegetal e uso do solo, em escala de detalhe 1:25.000 ou superior, observando a área mínima mapeável de 1 hectare. A análise da dinâmica da cobertura vegetal do Extremo Sul da Bahia, tendo como base os mapeamentos realizados nas etapas anteriores do monitoramento dos anos de 2007 e 2013, também deverá ser contemplada no estudo.

Conforme o edital, a empresa vencedora precisa ainda realizar análises da dinâmica da paisagem dos municípios da região em estudo, apontando ativos e passivos ambientais, a exemplo do déficit de floresta em APPs, com fins de subsidiar trabalhos de conservação, licenciamento, fiscalização, certificação, restauração florestal e educação ambiental.

Além de oferecer base cartográfica e subsídios sobre a dinâmica da paisagem e uso do solo adequados para planejamento dos territórios, dentre outras questões socioambientais e realizar o treinamento de pessoas e profissionais das organizações locais, no uso e aplicação da metodologia, das ferramentas tecnológicas e dos resultados do estudo, visando melhorar a performance e a qualidade da atuação destas nos territórios englobados.

Iniciado em 2010, o Programa de Monitoramento Independente da Cobertura Vegetal do Extremo Sul da Bahia está entrando em sua terceira fase, buscando oferecer para a região uma base de dados confiável e em escala compatível com as diversas necessidades regionais, sejam estes para o planejamento da paisagem, ordenamento territorial, conservação, proteção e, educação ambiental, dentre outros possíveis usos.

O prazo para execução dos trabalhos é de 12 meses.

 

Quadro com pontuações obtidas pelos participantes:

 

 

 

 

 

Autor: Oscar Artaza.
Foto: Alfredo Chaves.